Atalhos mentais: a porta de entrada para o sucesso

Conhece os atalhos mentais? Não? Neste blog, você aprenderá 8 técnicas matadoras para concluir muitas vendas em seu negócio. Saiba mais!

“Não perca a sua chance, são as últimas oportunidades de garantir o seu produto com 50% de desconto!” 

Quem nunca ouviu, viu ou leu uma chamada publicitária como esta? 

Se você, assim como eu, é um consumidor (a) nato, atento a promoções e novas ofertas, definitivamente já se deparou com uma chamada para ação parecida. Caso você ainda não tenha percebido ou conheça pouco sobre as ferramentas persuasivas utilizadas neste texto, hoje eu vim te contar um pouco mais sobre não só esse, mas VÁRIOS atalhos mentais semelhantes. 

“O que? Atalhos mentais? O que é isso? É de comer?” 

Não, não é de comer, mas pode fazer o seu produto ou serviço ser vendido em questão de SEGUNDOS, e os profissionais que sabem como utilizá-los em suas estratégias e aplicam não somente na venda dos seus produtos, mas em sua vida pessoal, relacionamentos amorosos e até mesmo em sua vida financeira, definitivamente tornam-se pessoas melhores.

É por essas e outras que hoje você irá aprender como funcionam os atalhos mentais, conhecer os mais poderosos e como você pode começar a implementar esta técnica e, consequentemente, obter sucesso profissional e pessoal. Tenha uma excelente leitura! 

Entendendo o processo do cérebro humano e o comportamento do consumidor

Quando falamos em persuadir o leitor e convencê-lo de que ele precisa do nosso produto ou serviço, utilizando também os atalhos mentais, estamos lidando com algumas temáticas conhecidas dentro do universo da publicidade: comportamento do consumidor, neuromarketing, psicologia, enfim, temáticas que abordam as estratégias, necessidades e gostos do público para concluir o objetivo de venda.

Não pense que vender um produto é um ato de manipulação, afinal, as melhores coisas da vida não são coisas, certo? São as experiências proporcionadas por outras coisas. E quando isso é bem feito, deixando claro ao consumidor os benefícios que ele terá com a oferta, aí o sucesso é garantido!

Tá, mas como fazer isso de uma maneira que não pareça que eu estou vendendo o meu produto/serviço de uma forma gritante e apeladora? 

Citando um pouco dos estudos de neuromarketing (falaremos mais sobre este campo em próximos posts), o nosso cérebro, que, como você já sabe, gera milhares de pensamentos todos os dias, soluções e ideias, é dividido em dois lados:

  • Lado Racional
  • Lado Emocional

O lado racional é aquele lado sensato que evita qualquer atitude de compra imediata. Já o lado emocional faz totalmente o contrário: ele busca razões para que você possa comprar e ser recompensado com prazer emocional. Você concorda que, em um processo de venda, o objetivo é despertar o lado emocional do cérebro?

Saber disso é o primeiro passo para melhorar a maneira que você vende o seu produto/serviço. Você pode despertar o lado emocional do seu alvo através de:

  • Apelos emocionais;
  • Depoimentos;
  • Frases persuasivas;
  • Atalhos mentais!

Opa! É disso mesmo que estamos falando: atalhos mentais! Os grandes responsáveis por alcançarem o público tão facilmente que podem até mesmo resultar em um 6 em 7 (6 dígitos em 7 dias). Já pensou nisso? 

Vale lembrar que, antes de sair por aí pesquisando e incluindo atalhos mentais em seus textos, eles devem ser utilizados com ética. Não prometa o que não conseguirá vender. Cuidado!

Os atalhos mentais nasceram de outro estudo que afirma que o nosso cérebro gosta de decisões confortáveis e rápidas, mais conhecido como fast thinking. Afinal, o cérebro humano cuida de aproximadamente 35 MIL decisões por dia. Uma hora cansa, né?

E para evitar o esgotamento que essas decisões proporcionam, os atalhos mentais são facilmente atraídos por ideias boas e confortáveis que tragam benefícios para si mesmo. Conseguiu relacionar com alguma coisa?

Se um dos atalhos mentais tem o poder de oferecer benefícios imediatos para o consumidor, ele é totalmente aceito pelo cérebro! 

1. Razão: preciso de um motivo para comprar isso!

O atalho da razão é instantâneo em pessoas mais pé no chão. Apesar dos atalhos mentais trabalharem quase que 99% o lado emocional, a razão é utilizada em todos os processos de venda realmente eficazes, afinal, você precisa comunicar qual é o benefício que o consumidor terá ao se desfazer do precioso dinheiro dele e confiar em você, e para isso, utiliza-se a razão. Simples assim.

Exemplo: “Com o nosso isotônico, você garante mais força, disposição e energia, melhorando o seu desempenho e alcançando a saúde física que você sempre sonhou!” 

Viu como o atalho da razão funciona? Ele mostra o benefício do produto e o que a pessoa irá ganhar com ele. Sou apaixonada por este atalho, e utilizo ele em quase todos os meus textos. Não é incrível?

2. Escassez: não posso te perder!

Só de pensar neste (um dos diversos atalhos mentais) eu já lembrei de algumas situações engraçadas, porém muito semelhantes com o processo de venda baseado nos atalhos mentais da escassez. Sabe quando você vê um casal terminar o relacionamento e, logo em seguida, algum dos dois estar completamente desesperado para reatar?

Pode parecer cômico, mas essa pessoa provavelmente foi atingida pelo atalho da escassez! Ela pensa: “poxa, perdi a minha oportunidade, e agora?” e consequentemente, o cérebro ativa a perda de um sentimento bom e confortável, fazendo com que a pessoa faça de tudo para ter essa sensação de volta. Com a venda de um produto é a mesma coisa. Quando você perde uma promoção de um produto que tanto queria, é frustrante, certo? 

Exemplo: “Nossas turmas já foram encerradas, mas você ainda pode ter a oportunidade de garantir a sua aula de Crossfit. Saiba mais em:”

Neste exemplo, destacamos que a oportunidade já foi encerrada mas que outra oportunidade está disponível, ou seja, é uma oportunidade única que gera escassez do serviço. 

3. Prova social: Se ela pode, eu posso!

Esse é um atalho indispensável e um dos que mais gosto também. A prova social está relacionada com o atalho da autoridade, mas em casos específicos. O exemplo mais prático é o seguinte: você está entre um produto e outro, ambos de lojas diferentes, qual é o critério para sua decisão de compra?

Preço? Talvez, mas e se forem os mesmos preços?

Atendimento e garantia? São bons critérios, mas na maioria das vezes, a garantia varia pouco entre um produto e outro. 

Recomendação de outras pessoas? Siiiim, era nesse ponto que eu queria chegar! Isso se chama referência! Quando vemos algum produto que caiu bem no gosto de uma pessoa de confiança, que ela recomenda, ela está nos motivando a seguir os mesmos passos que seguiu para obter o que esperava, isso se torna uma referência, uma prova de que com a oferta recomendada, teremos benefícios!

Além disso, o cérebro humano tem a necessidade de pertencer a grupos sociais e a praticar os mesmos hábitos que pessoas bem-sucedidas. É instantâneo, e as empresas que souberem trabalhar bem o atalho de prova social, pode ter um crescimento rápido e muito eficaz! 

Exemplo: “Já são mais de 100 clientes que confiaram em nosso trabalho e conquistaram sucesso financeiro, e você pode ser mais um desse! “

Vá fundo e recheie seus conteúdos com depoimentos de clientes, declarações de avaliações (positivas, é claro), número de vendas, enfim, faça o seu público perceber que o seu produto é querido por todos!

4. Autoridade: a melhor marca é a….

Quando falamos em autoridade, estamos falando de pessoas que sabem falar com propriedade do assunto, e por isso, tendemos a acreditar mais e a confiar mais nela. Isso também pode ser aplicado em uma questão de hierarquia, afinal, tendemos a acreditar na palavra de profissionais formados, como médicos e professores, e não no amiguinho que leu as informações no Google, né? 

Exemplo: “Quem usa Tigre é autoridade no assunto”

Nesta chamada, a Tigre cria uma estratégia de branding que acaba fidelizando e relacionando a marca de tubos e conexões como a melhor marca deste segmento, o que é um diferencial para se destacar entre os concorrentes, já que todos vendem o mesmo produto. 

Por isso, a minha dica é, para você profissional e autoridade em seu segmento: transmita conteúdo de qualidade! Crie posts informativos, bem completos e que façam o público sentir a sua preocupação com o bem-estar dele. 

5. Urgência: corre que dá tempo!

Extremamente semelhante e totalmente relacionado com o atalho da Escassez, tanto é que os dois podem até acabar te confundindo, a urgência está mais relacionada com o tempo/limite disponível para adquirir certo produto.

Às vezes, você nem pensava em precisar do produto, mas quando vê que não existe o conforto de tê-lo a qualquer momento, isso pode ser assustador! 

Exemplo: “Últimas horas para garantir o seu televisor com 50% de desconto. Corra, a fila está cheia e restam apenas 2 aparelhos”. 

É um atalho extremamente eficiente, afinal, o ser humano é egoísta e gosta de ter o que quer na hora que bem entender. Tenso!

6. Novidade: amiga, você já viu essa fofoca?

Pois é. Eu mesma sou fortemente influenciada pelo atalho da novidade. Não posso ver uma notícia fresquinha, uma nova fofoca ou qualquer outro assunto recente que esteja em pauta que já saio por aí contando para todo mundo e indo atrás de mais informações.

Esse atalho também pode ser aplicado a venda de produtos e utilizado para estimular a compra. “Saiu o novo Iphone”. É só escutar essa frase que todo mundo aqui na agência vai pesquisar modelos e preços, já pensando na possibilidade de poder trocar de celular, mesmo com o aparelho atual 100% funcionando. Este é o estímulo provocado pelo atalho mental da Novidade. Ele condiciona o seu pensamento, remetendo o novo ao melhor. 

Exemplo: “Chegou o novo Bolt EV, mais rápido, mais atualizado, mais potente”. 

Use esse atalho para comunicar a atualização do seu novo produto. Hoje em dia, é cada vez mais necessário se manter atualizado. 

7. Antecipação: não perca, vem por aí, a nova temporada da série do Netflix.

Quando eu era fanzoca do Justin Bieber, lá pelos meus 13 anos de idade, eu comprei o ingresso para o show dele e simplesmente não conseguia fazer outra coisa se não pensar no dia do show. Faltavam mais ou menos 4 meses até a data (02/11/2013, nunca esquecerei) e todos os dias eu me preparava, ensaiava as músicas e tudo mais.

Essa é a ideia do atalho da antecipação. Ele proporciona uma ansiedade – boa – para conhecer algum produto ou para efetuar a venda propriamente dita. Esse atalho se aplica muito em trailers de filmes, lançamentos de novos carros e celulares. Tudo isso, porque o nosso cérebro gosta da felicidade proporcionada pela projeção de expectativas que dão certo. Afinal, o futuro é incerto, e nós gostamos de coisas confortáveis.

Exemplo: Está chegando o dia de conhecer o novo produto que irá revolucionar o mercado de celulares. Está preparado (a) para mais uma inovação? 

Sempre demonstre as funcionalidades do produto e qual o benefício do cliente ao adquiri-lo. Essa técnica deve ser utilizada em todos os atalhos mentais. 

8. Afinidade: qualquer semelhança é mera coincidência

Esse é um dos atalhos mentais mais poderosos na construção de qualquer Copy (Copy = texto persuasivo, e não cópia). Quando o leitor sente que pode ser igual a uma pessoa bem-sucedida, ele tende a desejar ainda mais aquele produto. Demonstre que o seu serviço ou produto será capaz de trazer um benefício claro de sucesso e ele comprará qualquer coisa que você quiser vender. 

Exemplo: “Antes, eu passava pelos mesmos problemas que você. Mas com a ajuda do emagrecedor, eu consegui atingir meu objetivo, e agora estou super bem!” 

A mensagem que eu quero deixar é: conheça seu público, entenda o que ele gosta, o que ele não gosta e ofereça coisas boas para ele. Não estamos falando apenas de vender um produto ou serviço, mas sim de oferecer experiências que façam valer a pena o esforço do seu trabalho! ❤

Atalho mental é apenas UMA das estratégias capazes de revolucionar a forma como você realiza a sua comunicação e como você encanta seu alvo, e consequentemente, como você alcança o sucesso e a glória eterna. Sei que você ficou curioso (a) para aprender mais sobre essas estratégias, e por isso, estou disponibilizando os links de contato da agência Insight abaixo. Afinal, somos especialistas em marketing digital, e podemos oferecer soluções simples mas que cabem no seu bolso e ajudam a melhorar o seu negócio. Perfeito, sem defeitos!

Que tal marcar um café? Entre em contato clicando aqui.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Izabella Penna

Izabella Penna