Saiba mais sobre o Gerenciador de Anúncios do Facebook e faça sua empresa ficar em evidência!

Com as constantes mudanças no algoritmo do Facebook, fica cada vez mais difícil de atingir o público-alvo da sua página de maneira orgânica. E como alternativa, eles disponibilizaram a opção de pagar para aparecer para o seu público-alvo e melhorar os resultados das suas estratégias online e consequentemente sua performance.

Para isso, existe o Gerenciador de Anúncios do Facebook, que nada mais é do que uma ferramenta disponibilizada pela própria plataforma do Facebook que permite criar, segmentar, veicular e analisar seus resultados no Facebook Ads. 

Então se você se interessou e quer saber mais sobre o assunto, continue a leitura pois ela está completinha e um com conteúdo ótimo! 

Mas então, o que seria o Facebook Ads?

Essa ferramenta, na realidade, são os anúncios publicitários que estão dentro do Facebook onde é oferecida uma grande variedade de formatos e que aparecem em diversos lugares, como na própria timeline, na lateral dela ou até em grupos, por meio de uma série de segmentações, sendo esse um meio um eficaz e valioso para aplicar as estratégias de marketing digital do seu negócio. Atualmente, já somam mais de 1 milhão de empresas que investem cerca de 8 milhões de dólares por ano nessa ferramenta!

Fonte: Hubify

Pois é. E muitas vezes, mesmo quem já atua nessa área, tem algumas dificuldades em utilizar todas as ferramentas e recursos que são disponibilizadas pelo Facebook. Com isso, surgem vários questionamentos como: onde fazer um anúncio? Como acompanhar seus resultados? O que devo medir para fazê-lo?

Saiba que é exatamente por isso que existe o Gerenciador de Anúncios do Facebook e é por isso também que viemos trazer essas informações, assim você não fica com dúvidas e consegue alavancar seu negócio e até trabalhar de maneira mais segura. 

O que é o Gerenciador de Anúncios do Facebook?

Então vamos lá! O Gerenciador de Anúncios do Facebook, ou Business Manager como também pode ser conhecido, é simplesmente uma ferramenta da plataforma onde você pode: criar e gerenciar anúncios na sua conta. Também é possível visualizar, alterar e ver os resultados obtidos em cada campanha ou conjuntos de anúncios do Facebook. Digamos que ele é o ponto de partida para veicular anúncios e conquistar público novo, além de fidelizar os que já estavam com você. 

Com ele, como o próprio nome diz, é possível fazer o gerenciamento e criação de publicações tanto orgânicas como pagas para as redes sociais da marca – Facebook e Instagram. Também é permitido agendar peças e posts para serem publicados, segmentar a audiência que vai ser impactada pelo seu anúncio e determinar assim qual vai ser o prazo de duração e o orçamento a ser investido naquela campanha. 

Outra funcionalidade que ele tem, é a criação de diferentes formatos e modelos de anúncios, dando a oportunidade de escolher qual pode ser mais eficiente para aquele objetivo específico e que possa ajudar as empresas na plataforma.

O Gerenciador de Anúncios do Facebook foi especialmente desenvolvido para que pudesse auxiliar agências, donos de negócios e empreendedores que precisam administrar mais de um perfil e contas de diversos clientes com anúncio ativo, desta forma, fica muito mais fácil mensurar os resultados das postagens. 

Qual o propósito do Gerenciador de Anúncios do Facebook?

Essa plataforma do Facebook possui diversas aplicabilidades e funcionalidades que permitem aumentar a performance da sua empresa. E desde que foi implementada, passou por diversas mudanças e alterações para que pudesse atender da melhor maneira todas as necessidades que iam surgindo. 

Sendo que, atualmente o Gerenciador de Anúncios do Facebook está dividido em: planejamento, criação, gerenciamento e mensuração de resultados. Exatamente como são os processos de criação de uma campanha bem estruturada. 

Aqui, vamos dar uma visão geral dos primeiros itens que são encontrados no Gerenciador de Anúncios do Facebook. No primeiro tópico – planejamento, você pode acompanhar percepções e apontamentos sobre a audiência e engajamento da página, além de criar modelos de anúncios específicos e utilizar a ferramenta de facilitação para aprovação interna das campanhas. 

Já na criação e gerenciamento, é possível fazer o carregamento dos anúncios e dos posts orgânicos, abrindo assim outras funcionalidades como o estudo das atividades da conta, verificação de desempenho e integração dos resultados específicos. 

Por fim, uma das abas de mais importância, a de mensuração de resultados, permite extrair relatórios dos anúncios feitos e consequentemente ter acesso ao Analytics, que viabiliza uma análise ampla sobre acesso por diferentes meios e dispositivos. Nessa aba, você pode monitorar o tráfego do seu site a partir do Facebook.  

Recomendamos que após essa leitura, você dê uma “fuçada” em cada aba e tópico, para que assim você possa aprender na prática. Não tenha medo ou receio de mexer na plataforma, pois são com as tentativas que se acerta. 

Com o Gerenciador de Anúncios do Facebook você pode: 

  • Criar campanha de anúncios: com o Gerenciador de Anúncios, é possível utilizar a opção de criação de anúncios para criar seus anúncios passo a passo. Ao escolher essa opção, ela te possibilita escolher o objetivo de marketing, o público que deseja alcançar, onde seu anúncio será reproduzido e qual o formato;
  • Gerenciar diversos anúncios de uma só vez: na plataforma também é possível administrar mais de um anúncio por vez, assim fica mais simples e facilita o processo. Dá para editar as configurações dos anúncios e campanhas, o público, orçamento, posicionamento e até duplicar os anúncios para criar cópia deles;
  • Observar o desempenho dos anúncios: observar e avaliar os dados atualizados sobre o desempenho e performance dos anúncios. Desta maneira, é capaz de ver os resultados obtidos em todas as campanhas que estão no ar, aplicando detalhes para ver as métricas que são importantes. 

Como usar o Gerenciador de Anúncios do Facebook?

Entrar no universo dessa ferramenta é muito mais fácil do que parece, é necessário somente atenção e alguns breves estudos dentro da plataforma para ficar por dentro dos detalhes e peculiaridades que ela possui. 

Configurando o gerenciador de forma correta, não é necessário pedir permissão a cada vez que precisar acessar as páginas dos seus clientes, evitando dessa forma o compartilhamento de senhas e logins entre diversas pessoas e dispensa ferramentas de terceiros para agendar e gerenciar suas publicações.

Utilizar essa ferramenta vai trazer apenas vantagens e benefícios para o seu empreendimento ou sua marca, e se você ainda tem dúvidas e não sabe como fazer uso dela, continue acompanhando que vamos esclarecer tudo!

Defina um objetivo: ao contrário do que muitos pensam, ter um objetivo traçado e bem estruturado é o primeiro passo para quem quer começar a usar o Gerenciador de Anúncios do Facebook. É importante nesse primeiro momento, entender qual a necessidade do seu negócio (ou do seu cliente), você deve conhecer a fundo o público que deseja atingir e saber em que ponto ele está. Para especificar ainda mais e tornar isso palpável, vamos mostrar os três possíveis níveis do consumidor: 

  • 1ª fase: descoberta – reconhecimento da marca, divulgação nas imediações, alcance;
  • 2ª fase: consideração – tráfego, envolvimento, instalação de app, geração de cadastros;
  • 3ª fase: decisão – conversões, vendas do catálogo de produtos e visitas ao estabelecimento.

Assim, é possível direcionar o seu anúncio de forma correta a quem você deseja atingir, fazendo com que o resultado seja o mais assertivo possível. Mais tarde, vamos abordar mais a fundo esses três níveis para melhor entendimento e absorção e como eles funcionam quando se trata de anúncios no Facebook. 

Crie uma conta: entrando na parte prática, essa é a hora de você criar uma conta no site do Gerenciador de Negócios do Facebook. Você pode simplesmente fazer login com sua conta do Facebook e assim, associá-la ao gerenciador, sem ter a necessidade de criar outra conta nova. Feito isso, configure seu país, moeda e fuso horário, com isso, o sistema vai trabalhar em real e trabalhar a campanha em cima do melhor horário escolhido por você.

Conecte uma página ao Gerenciador de Negócios do Facebook: feito o login, automaticamente a página já mostra os negócios que estão associados ao seu perfil. Para isso, é necessário que você esteja adicionado como administrador das páginas em questão para que ele reconheça e te permita alterar e configurar informações.

Inclua e crie uma conta de Anúncios: nesse processo, você pode incluir uma conta de anúncios que já exista ou que seja de outra pessoa, essa opção é utilizada quando o cliente já tinha uma conta de anúncios feita anteriormente. 

Há também a opção de criar uma conta do zero, caso o seu perfil nunca tenha anunciado, nesse caso é preciso adicionar todas as informações pedidas, inclusive as de pagamento oferecidas pelo Facebook: cartões de crédito e débito, PayPal, boleto bancário e cartão local do Banco do Brasil.

Adicione uma conta do Instagram: esse recurso também é possível, uma vez que o Instagram é uma plataforma do Facebook. Isso torna a utilização do Gerenciador de Anúncios do Facebook ainda mais efetiva e prática, permitindo a criação de anúncios que poderão ser veiculados em ambas as redes, além de conceder a mensuração de resultados da mesma forma, o que é um ponto muito positivo. Ter uma conta do Instagram vinculada a essa plataforma, permite o acrescentamento de públicos e uma maior aproximação entre o conteúdo pago e o orgânico devido as contas serem associadas e ser possível ir diretamente do anúncio ao perfil da marca ou negócio. 

Níveis de campanha

Bom, como dito anteriormente, retomamos os três níveis de campanha para você entender melhor qual a finalidade de cada um, eles têm um poder decisório de como o anúncio vai aparecer e impactar o público definido. Nessa fase, você vai escolher o objetivo da sua campanha com base no seu objetivo de marketing, que deve ter sido bem pensado para atingir o esperado.

O Facebook divide os objetivos em três blocos, sendo eles: reconhecimento, consideração e conversão. 

Reconhecimento

  • Reconhecimento de marca: nessa opção, você leva o seu anúncio para as pessoas que estejam dispostas a prestar atenção no que você tem para falar e que terão maior chance de retornar a marca nos próximos dias;
  • Alcance: nesse objetivo, você poderá exibir seu criativo para o máximo de pessoas possíveis dentro do público alvo predeterminado e nas localidades que escolher. 

Consideração

  • Tráfego: essa função exige ação do usuário. Se você deseja levar o usuário a algum lugar, seja site, landing page ou até mesmo uma página dentro do Facebook, esse é o objetivo ideal, uma vez que ele reforça conseguir que o usuário clique em algum link onde vá ser direcionado;
  • Envolvimento: se você buscar aumentar o engajamento da sua página, curtidas, participações em eventos e até mesmo o envolvimento com sua publicação, é esse o objetivo que deve ser escolhido. Aqui, a plataforma entende o que você deseja passar e vai priorizar a entrega dos seus anúncios e publicações a pessoas que estejam favoráveis a tomar alguma dessas ações;
  • Instalação de app: como o próprio nome diz, esse objetivo leva as pessoas a fazerem o download do seu aplicativo.;
  • Visualização de vídeos: com esse objetivo, você impulsiona seus vídeos com o conteúdo que desejar e achar pertinente, aumentando o reconhecimento da sua marca;
  • Geração de cadastros: se você quer gerar leads e até aumentar seus potenciais consumidores, esse é objetivo certo. Com ele, os usuários preenchem um formulário, dentro do próprio Facebook, com as informações que você achar necessárias. Após isso, você pode coletar esses dados e utilizar para outras segmentações e finalidades; 
  • Mensagens: esse objetivo faz com que as pessoas se conectem com a sua marca através do Messenger, WhatsApp ou no Instagram Direct, gerando aproximação, onde eles podem conversar com você, concluir compras, tirar dúvida e oferecer suporte.

Conversão

  • Conversões: se você precisa que o usuário converta alguma coisa, seja para o download de um e-book, preenchimento de formulário, se inscrever em uma newsletter, para alguma compra ou qualquer outra ação dentro do seu site ou aplicativo, a conversão sem dúvida deve ser escolhida;
  • Vendas do catálogo de produtos: para esse objetivo funcionar, é preciso criar um catálogo com seus produtos antes de escolhê-la. Tendo essa função configurada, o Facebook cria anúncios de forma automática sobre os seus produtos baseado na sua audiência;
  • Tráfego para o estabelecimento: esse último objetivo funciona para levar consumidores até o seu estabelecimento físico. O Facebook aperfeiçoa a entrega para pessoas próximas ao endereço fornecido e que tenham a ver com o seu segmento. É a fusão do online com o offline. 

Qual a diferença entre impulsionar e criar anúncios no Facebook?

Se você tem dúvida entre a diferença entre essas duas opções que parecem ser bem semelhantes, vamos te explicar o que difere um do outro. 

Sendo bem diretos, no geral o impulsionamento é um jeito mais simples e com menos opção de segmentação, garantindo um alcance maior para as postagens selecionadas para esse formato. 

Já os anúncios, como dito anteriormente, permitem segmentar o público que será impactado, que representa mais assertividade. 

Há também outras características os distingue: 

Impulsionar

  • Você destaca apenas um post; 
  • Indicado para aumentar o alcance;
  • Aparece só na timeline;
  • Poucas opções de segmentação.

Criar anúncio

  • É possível criar vários anúncios ao mesmo tempo;
  • Indicado para conversão; 
  • Mais objetivos de campanha; 
  • Mais possibilidade de segmentação.

As duas opções podem gerar ótimos resultados para o seu negócio, a escolha dos mesmos vai depender das suas estratégias de marketing, do seu objetivo, do seu contexto de trabalho e o que pretende conseguir com essa campanha.

O impulsionamento é uma alternativa rápida e prática para quem quer aumentar o alcance de uma publicação em específico. Ele é uma ótima opção para quem está começando e não tem estrutura para tocar outros objetivos, não comprometendo seu alcance. 

Já a elaboração de anúncios no Gerenciador de Anúncios do Facebook é uma alternativa maravilhosa para quem quer trabalhar com campanhas mais estratégicas, alcançando um público mais qualificado, gerando assim, engajamento e conversão.

Agora que você já sabe a diferença entre os dois, você pode escolher qual que pode funcionar da melhor maneira para o seu empreendimento. E independente do formato escolhido, ambos são necessários investimento financeiro para serem colocados no ar. 

Qual a estrutura de um anúncio?

Os anúncios costumam ser elaborados por três partes complementares: descrição, CTA (chamada para ação) e o criativo. Saiba um pouco mais sobre cada um deles abaixo. 

Descritivo: aqui, você pode fazer um breve texto, uma descrição, sobre o anúncio. Seja objetivo, fale direto com a persona, entregue valor e saiba se comunicar. 

CTA – chamada para ação: todos os objetivos têm o famoso botão de “call to action” a chamada para ação, que visa levar o usuário para o seu site, fazer um orçamento ou baixar algum material. Esse botão tem muita importância, pois leva a pessoa fazer exatamente a ação que você precisa naquele anúncio.

Criativo: esse é meio onde você tem mais potencial de se comunicar com o público. É através do criativo que você deve passar a sua mensagem, o que é realmente importante para o seu negócio. Nele, há limitações e especificações, além de número de caracteres e tamanho de imagem pré-definido. 

Hoje, o Facebook permite que os anúncios possuam mais textos, porém o custo costuma ser mais elevado e a entrega não é tão boa como poderia ser. Por isso, é bom ficar atento com a porcentagem de texto e seguir à risca as recomendações técnicas que o seu anúncio deve ter. 

Como mensurar resultados por meio do Gerenciador de Anúncios do Facebook?

Mensurar, avaliar e considerar os resultados das campanhas é muito importante para entender qual foi o desempenho, o que funcionou e o que deve melhorar para os próximos anúncios.  

Para esse processo, a ferramenta permite acompanhar o desenvolvimento de uma campanha durante toda a performance e faz com que você aprenda sobre o impacto que a sua publicidade teve de maneira mensurável e incremental. Dessa forma, é possível configurar a campanha para fazer melhorias enquanto ela ainda estiver no ar. 

Você pode efetuar experimentos em conjuntos de anúncios específicos, campanhas e até mesmo em toda a sua publicidade no Facebook. Assim, existem várias ferramentas para testar e entender como está indo o seu anúncio, sendo elas:

  • Teste A/B: nesse método, é comparado um ou mais anúncios semelhantes, alterando apenas alguns detalhes, para entender qual deles apresenta melhor desempenho. 
  • Teste de aumento: com ele, é medido o desempenho dos seus objetivos, como conversão ou reconhecimento de marca, entre grupos de teste e controle de usuários que visualizaram e de usuários que não viram sua publicidade. 
  • Testar e aprender: nesse caso, ele ajuda a responder a uma pergunta de teste predeterminada dentro de certas condições e restrições usando testes A/B, testes de reserva ou pesquisas de marca.

O gerenciador também permite retirada de um relatório de anúncios com algumas informações detalhadas. Com ele, é possível selecionar o que você deseja avaliar, gerar informações específicas e de acordo com o que você quer avaliar. 

Como vimos, o Gerenciador de Anúncios do Facebook é uma ferramenta extremamente útil, prática e válida a quem administra diferentes clientes e trabalha em sincronia com mais de uma conta de anúncios. Ele facilita o processo de impulsionar sua página além de colocar sua marca em evidência, aumentando consequentemente suas vendas. 

Não podemos deixar de evidenciar que, atualmente quem não atua com anúncios está deixando de lado uma grande chance de conquistar mais público e se destacar entre tantos concorrentes existentes no mercado. Esse é um investimento que só vai gerar retorno positivo para o seu negócio. Pense nisso!

E não deixe de conhecer mais sobre nós, que tal dar uma espiada no nosso site?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Isabela Diniz

Isabela Diniz